El Niño pode deixar quatro milhões de pessoas sem água no mundo, segundo ONU


O relatório divulgado pela Organização das Nações Unidas (ONU) nesta quarta-feira (14) enfoca que o atual período de El Niño, no Oceano Pacífico Equatorial, pode agravar a falta de água potável para a sobrevivência humana em diferentes países, o que afetaria imediatamente mais de quatro milhões de pessoas.


De acordo com o relatório, países da Ásia, principalmente, serão os mais afetados. A falta de água, também dispara os casos de doenças relacionadas, como a desidratação, e consequentemente as mortes.


Somente no Brasil, mais de mil municípios estão sob “situação de emergência” por conta da irregularidade ou falta de chuva, tendo como principal agravante, o El Niño.


Por outro lado, a epidemia de doenças tropicais, como a malária e a dengue, pode se agravar em regiões onde o fenômeno costuma provocar chuva em grande quantidade, como o noroeste da América do Sul e no Sul do Brasil, por exemplo.


Em escala de monitoramento, o atual El Niño de 2015 está muito parecido com o evento de 1997/1998, o qual matou mais de 23 mil pessoas ao redor do mundo, principalmente por enchentes, estiagens e epidemias.

Fonte: De Olho No Tempo Meteorologia

#ElNiño #faltadágua

Featured Posts
Posts Are Coming Soon
Stay tuned...
Recent Posts
Archive
Search By Tags
No tags yet.
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Silvestre Ambiental LTDA

Rua Alcides Codeceira, 167 - Iputinga. Recife, PE. CEP 50800-090

CNPJ: 21.225.905/0001-30

  • Instagram - Black Circle
  • Facebook - Black Circle